Garimpo Sonoro #0 – Começando do zero com Tony Joe White

Garimpo Sonoro #0 – Começando do zero com Tony Joe White

1 de outubro de 2015 2 Por Pedroluts

Eis que um belo dia sou convidado a “colunar” neste recinto. Simultaneamente ao convite que soava como uma convocação, também recebo uma carta branca: poderia escrever sobre o que eu quisesse.

De bate-pronto, o mesmo pensamento de Tom Zé que abre seu “Tropicalista Lenta Luta” me vem a mente: “Liberdade, quanto menos melhor”. Escrever é falar sobre inúmeros assuntos, mas quando se começa do zero, que assuntos começamos?!

Pois cá estou, ouvindo uma lista particular que serve como um acervo das indicações (As “Melhores Descobertas” das “Descobertas da Semana” que o Spotify me entrega às segunda-feiras – Spotify, podemos negociar um e$quema, ok?), enquanto penso no que começar a falar.

Tony Joe White“Who You Gonna Hoodoo Now”. Essa é a música que tocava aqui. Tony Joe White cruzou nas minhas trilhas sonoras em pelo menos três momentos:

A primeira vez foi em uma ótima compilação em vinil que me deparei. Chamada “Country Funk – 1969-1975”, é uma coletânea com várias faixas que fazem um country que flerta com um gingado diferente… Um country com um leve toque de R&B e suas nuances ritmicas e dinâmicas. Tony participa com a ótima “Studspider”.

2) A segunda vez foi através de Dave Grohl e seu documentário “Sonic Highways”. No terceiro episódio, sobre Nashville, Grohl conversa com Tony e mostra um pouco da sua biografia.

Tony Joe White

 

Assista o episódio aqui: http://screeningroom.roswellfilms.com/video/126744406

3) A terceira vez foi, bom, foi onde comecei a falar dele: o Spotify percebeu minha predileção à música de Tony e acertadamente me sugeriu em sua indicação semanal.

https://www.youtube.com/watch?v=aeEkIi0JFoY

Tony Joe White possui uma voz grave, levemente rouca, mas temperada com um estilo meio blues que às vezes remete à John Lee Hooker, mas numa versão mais hillbilly.

Olhe só, acho que descobri do que gosto de falar mesmo quando não há muita coisa a ser dita. Vivo garimpando novos sons (novos para mim, que podem ser da semana ou do século passado) e posso usar desse hobby para preencher a lacuna períodica dada a mim neste lugar.

É isso, falarei sobre meus garimpos sonoros!

Alguma dica de som bacanudo que você acha que eu vou gostar? Manda pra mim!

Quer saber o que estou ouvindo? Me segue lá: https://open.spotify.com/user/12120567216