Lívia Cruz e suas punch lines são protagonistas no clipe de “Prêmio da Guerra”

Read More
Lívia Cruz
A rapper e cantora Livia Cruz lançou recentemente o seu mais novo single, “Prêmio da Guerra”. A canção tem a produção de Leo  Casa 1 e instrumentais de Alphaloud. O clipe tem a direção de Victor Ambrósio e Ana Alice ChagasNatural de Recife, Pernambuco, Lívia e é um dos novos nomes do rap feminino no Brasil. É dona de hits como “Eu Tava Lá”, “É Pokas” e “#Tamotransandodefato”, tendo lançado seu primeiro EP em 2005

Lívia compõe e canta desde os 14 anos, época em que participava de grupos de rap iniciantes de sua cidade natal, Recife (PE), ao se mudar para o Rio de Janeiro, participou do coletivo Brutal Crew e gravou sua primeira música, “Viúva Rainha”. A canção rendeu, em 2003, uma indicação ao Prêmio Hutuz, e em 2009 ganhou no mesmo prêmio na categoria “Melhores Demos Femininas da Década”. No mesmo ano concorreu no bloco Garagem do Faustão com o videoclipe da música “A Cartomante”, passando para a segunda fase com 60% de aceitação do público e tendo seu trabalho retratado em várias matérias jornalísticas. No momento, prepara-se para lançar seu primeiro álbum.

Assista ao clipe de “Prêmio de Guerra”:

Sitonio lança clipe de “Sobrado” e aborda as sobras de um relacionamento

Read More

É prazeroso ouvir uma música que fale de relacionamentos e seus fins de forma leve. Quando se entende que se acaba e o que sobra é o respeito. É nessa pegada que Sitonio lança seu clipe “Sobrado”, que aborda o fim de um relacionamento com muita tranquilidade, passando para o ouvinte, um estado de espírito leve, harmônico.

O trabalho de audiovisual dialoga ricamente com a letra e melodia da música. Deixa o peso dos fins de lado e abraça um mundo cheio de arte, levando sua mensagem em um tom agradável, soando bem aos ouvidos.

O cenário do clipe intriga o expectador quando o diretor, Rodrigo Barros, escolhe locais que são geralmente cheios, onde circulam sempre muitas pessoas, muitas mesmo, e jogo o ator na solidão desses lugares. O ator, Lucian Costa, se encontra só e dialoga no seu íntimo com uma dança suave, passando uma sensação de mudança e transformação sem dor. E, apenas, um dado momento, ele se solta da mão da companheira, a atriz Marília Xavier, e se perde no mar de gente.

O clipe foi gravado, majoritariamente no centro do Recife e em locais de grande expressividade como a Ponte de Ferro, Trilhos do Metrô, Marco Zero, Rua da Aurora, Universidade Federal de Pernambuco e muitos outros lugares. As captações começaram em 2017 e foram finalizadas em fevereiro de 2018. A coreografia foi idealizada por Lucian Costa e Marília Xavier.

“O clipe tenta passar a ideia de como se os atores tivessem dançando juntos, mas ele se percebe só. É um diálogo com a letra da música, que fala de uma separação bem rápida”, contou Felipe Sitonio.
Esse trabalho está disponível no Youtube. É só dar o play e perceber os encantos desse trabalho. É leve, vale ouvir em todas as horas do dia!

Paquetá disponibiliza clipe surf punk para a música “Guanxuma Jamaicana”

Read More

Os gaúchos da banda Paquetá guiaram as melhores ondas no seu novo video-clipe, “Guanxuma Jamaicana”. Com produção de Lucas Nóbrega, a banda visitou as praias de Fernando de Noronha, Praia do Francês (Alagoas), e Novo Campeche (Floripa). A música está presente no EP “Surfadelic Dreams”, do ano passado.

O vídeo-clipe conta com um tratamento ultra vintage nas imagens, tornando uma viagem entre os anos 60 e atualmente, em um modo caseiro que traz uma intimidade maior entre a banda com o público.

Deixando a galera com maiores expectativas, o grupo de Canoas-RS declara que logo irá lançar nas plataformas digitais mais um trabalho de inéditas, com o nome de “Badtrip for Democracy”. Fogaça, Hogrefe, Dagger e Wender são os feras que prometem detonar o surf punk e continuar agitando as ondas sulistas.

“Braço de Ferro” e uma reflexão sobre a nossa existência da De Um Filho, De Um Cego

Read More
De Um Filho, De Um Cego

Sim, tem dias que nos colocamos a pensar sobre a nossa existência, questionamos sobre que caminho estamos e sobre a nossa direção. O sinal fecha e parados em meio ao caos começamos a nos sentir, a nos perceber. Essa foi a reflexão trazida em “Braço de Ferro”, single clipe da banda De Um Filho, De Um Cego, que foi lançado no final de abril e prenuncia um trabalho que será apresentado ainda em 2018.

Com uma composição simples, contendo apenas quatro períodos, o compositor Waricoda convida a falar sobre conflitos. Bom, a interpretação é pessoal, mas a música sugere uma ideia de conflitos, onde alguém cede/perde, para se ganhar em conjunto. É a lei natural da convivência em sociedade e construção das relações.

A melodia melancólica que vem acompanhando essa letra, arma um cenário bucólico e intrigante perfeito para se deleitar nessa reflexão. A voz pergunta, a guitarra responde e tudo soa harmônico. No clipe, dirigido, produzido e captado por Lucas Kakuda, esse cenário se materializa entre um trago e outro. Só se sente.

Esse é primeiro single do álbum “Mente Andorinha”, que terá seu lançamento fracionado em dois EPs, o primeiro com lançamento previsto para o segundo semestre de 2018 e o segundo em 2019. Aliás, formato esse que foge dos lançamentos naturais e ousa na nova tendência, que é apostar em respostas mais rápidas com trabalhos mais curtos, embora de igual qualidade.

De Um Filho, De um Cego abre a primeira porta para se entrar nesse mundo racional e anuncia um trabalho livre, solto. Fica a reflexão, e que bela reflexão!

Furia Rockpaulera: novo lyric video apresentando as “Feridas do Terceiro Mundo”

Read More

Os gaúchos da Furia Rockpaulera aparecem com grande novidade neste ano. Apresentam aqui, a faixa inédita “Feridas do Terceiro Mundo”, com a produção de Leo Mayer. O power trio chega apresentando armas e deixando o público com aquele gosto de “quero mais” pois esta é a primeira faixa apresentada neste ano, e questiona os ouvintes sobre um possível lançamento de um novo disco ainda neste ano.

O lyric apresenta os desenhos do baterista do grupo, Fabricio Ruivo, tendo nos backings vocals participações de 15 nomes do underground gaúcho. Vale a pena conferir:

Banheiro Azul: declarado o “Estatuto dos Sonhos” nas telinhas em seu novo clipe

Read More

A banda carioca Banheiro Azul disponibiliza o clipe da música “Estatuto dos Sonhos”, faixa homônima ao álbum. O clipe teve períodos de gravação, sendo entre novembro/2017 e fevereiro/2018 contando com belos cenários: Cinelândia/RJ, Cruzeiro de Nova Iguaçu/RJ e Praça do Skate – Nova Iguaçu/RJ.

A música busca tratar em seu blues rock um pouco sobre os ganhos da vida, querendo tratar do dia-a-dia do brasileiro. Levadas firmes na bateria com slides e sintetizadores marcam o single escolhido para a transformação do mais novo vídeo-clipe.

O próprio grupo musical fez a direção do clipe, enquanto a filmagem e edição ficou a cargo da Fator 3 Comunicação. Confira:

Roboto faz agradecimento aos fãs através do seu novo videoclipe, “Tempo”

Read More

Os mineiros da Roboto trazem o lançamento da faixa “tempo” para o YouTube. Captada no Studio Roffer por Marcelo Rocha, foi originalmente lançada na coletânea “BH do Barulho Volume 3”, editada pela Ganmit Discos em dezembro de 2017. Agora, ganha um vídeo com imagens captadas por Ise Fernandes, Vinícius Lira Garcia e Rodrigo Nueva durante show da banda no já mítico Vintage13, além de imagens adicionais por Rafael Luciano.

Faixa que apresenta todo o lado “punk-stoner” da banda, com um áudio mais “cru”, levando o telespectador para dentro da energia da banda. Um som de peso que apresenta grandes viradas de ritmo, assim como o “Tempo”. Enérgico som para marcar bem seu dia.

O novo álbum da Courtney Barnett já tem previsão de lançamento!

Read More

A mulher não para (por sorte nossa) de lançar materiais. Após o recente e incrível disco em parceria com Kurt Vile, “Lotta Sea Lice”, Courtney Barnett nem deu tempo pra respirar e lançou um single e data de lançamento para seu novo álbum Tell Me How You Really Feel”, que vem ao público em 18 de maio.

O single, “Nameless, Faceless”, ganhou clipe dirigido por Lucy Dyson, onde inclui gatinhos e uma composição que discursa contra os haters anônimos já comuns no ambiente digital e às consequências reais deste ódio. Assista:

Os títulos das faixas já foram divulgados, agora só resta chegar o mês de maio.

  • Hopefulessness
  • City Looks Pretty
  • Charity
  • Need a Little Time
  • Nameless, Faceless
  • I’m Not Your Mother, I’m Not Your Bitch
  • Crippling Self Doubt and a General Lack of Self-Confidence
  • Help Your Self
  • Walkin’ on Eggshells
  • Sunday Roast

Para os interessados, o disco já está em pré-venda nos mais diversos formatos através do site: http://courtneybarnett.com.au/pre-order/ 🙂

Tagua Tagua lança seu primeiro clipe, “Rastro de Pó”

Read More

O projeto Tagua Tagua, empreitada solo do cantor Felipe Puperi (ex-Wannabe Jalva) ganhou seu primeiro clipe. Após o lançamento do EP de três faixas, Tombamento Inevitável”, chegou a hora de dar imagens para o single “Rastro de Pó”. Masterizado por Brian Lucey, com referências de mezzo suingado, mezzo eletrônico e pitadas de R&B, o EP merece atenção pela originalidade e composições singelas.

As imagens do clipe “Rastro de Pó” foram gravadas em Cruz das Almas e Sapeaçu, na Bahia, e traz em sua narrativa as mágicas, tradicionais e proibidas guerras de espada. Em parceria com o diretor Douglas Bernardt, o clipe mistura com delicadeza todo o perigo e beleza das faíscas com a letra suave da canção. Confira o resultado:

Para conferir o EP completo do Tagua Tagua: