5 Pérolas Musicais escolhidas a dedo por Júlia Jups, da Bloodbuzz

5 Pérolas Musicais escolhidas a dedo por Júlia Jups, da Bloodbuzz

17 de fevereiro de 2017 1 Por João Pedro Ramos

Todo mundo tem seus gostos, preferências e, é claro, seus garimpos no mundo da música. Com certeza tem alguma banda ou artista que só você conhece e faz de tudo para espalhar o som entre seus amigos e conhecidos. “Todo mundo precisa conhecer isso, é genial!” Se você é aficionado por música, provavelmente tem uma pequena coleção pessoal de singles e discos que não fizeram sucesso e a mídia não descobriu (ou ainda vai descobrir, quem sabe) que gostaria que todo o planeta estivesse cantando.

Pois bem: já que temos tantos amantes da música querendo recomendar, o Crush em Hi-Fi resolveu abrir esse espaço. Na coluna “5 Pérolas Musicais”, artistas, músicos, blogueiros, jornalistas, DJs, VJs e todos que têm um coração batendo no ritmo da música recomendarão 5 músicas que todo o planeta PRECISA conhecer. Hoje a convidada é Júlia Jups, do Bloodbuzz.

Suffrajett“Shake Your Heart”

“Conheci essa primeira pérola no MySpace (lembra dele?). Eu seguia o perfil da banda Juliette & The Licks (lembra deles?) e esporadicamente rolavam uns boletins, anúncio de shows, fotos, vídeos, etc. Um belo dia dona Juliette mandou um boletim com a seguinte foto:
Não lembro direito qual era o texto, mas basicamente Juliette explicava que essa fodona aí era a Simi Sernaker, vocalista do Suffrajett, banda de NYC que ia abrir alguns shows do J&TL em uma tour. Lá fui eu ouvir o MySpace da banda. Infelizmente na época só tinha 3 músicas disponíveis para donwload, e eu fiquei com elas no repeat por um bom tempo. Não vi nenhum anúncio do fim da banda, mas aparentemente não rola nada novo há pelo menos 10 anos. Mas você já tá melhor do que eu na época do MySpace: tem um CD inteirinho do Suffrajett no Spotify pra você se deliciar”.

Deep Dark Robot – “Can’t Getcha Out Of My Mind”

“E por falar em Juliette Lewis, um dos papéis mais famosos dela no cinema foi Mallory Knox, a assassina loucona de “Assassinos por Natureza” (NOTA: Esse filme tem uma cena absurda de foda com “Shitlist” do L7 ao fundo, recomendo). Pois então, no clipe da pérola número 2 quem é que aparece? Mallory Knox. Eu fico até meio “assim” de chamar essa música de pérola porque eu acho meio criminoso as pessoas não seguirem de perto tudo que a Linda Perry faz, mas realmente não é muita gente que conhece a banda dela. A Linda ficou famosa nos anos 90 na frente do 4 Non Blondes (atualmente o seriado Sense 8 trouxe a clássica “What’s Up?” de volta pras nossas vidas). De lá pra cá ela se tornou uma compositora de peso, fazendo música pra uma cambada de gente. Alguns exemplos: P!nk, Christina Aguilera (sabe o clássico “Beautiful”? Linda que escreveu), Courtney Love, Gwen Stefani, Solange Knowles, Juliette and the Licks, Britney Spears, Miley Cyrus e Adele (juro que tem mais e eu tentei resumir).
Eu gosto bastante da Linda compositora, mas também piro na Linda cantora. O Deep Dark Robot infelizmente só tem um álbum (“8 Songs About a Girl”, de 2011), mas é só ficar de olho na página dela no Facebook que sempre tem coisa nova pipocando”.

Superbus“Sunshine”

“Sabe aquele tipo de pessoa chata que comentava na época do boom do Rockband/Guitar Hero que esses jogos tinham transformado música em coisa de idiota? Duas historinhas: Historinha 1 – Nessa época um aluno meu de 6 anos chegou na aula com o “Appetite for Destruction” na mão e a frase: “Teacher, conheci essa banda no Guitar Hero e minha mãe me mostrou esse CD. Você conhece a banda Guns ‘N’ Roses?” Historinha 2 – A banda da pérola número 3 tinha uma música no Guitar Hero (se você jogava, vai lembrar de “Radio Song”). E o que Júlia fez? Abriu o Google, uai. Descobri a Superbus, banda francesa de pop/rock com umas pitadas de ska. Eles tem cinco álbuns lançados, o último de 2016. Esse clipe que escolhi é horrível, the Best of anos 2000, mas a música é uma delicinha”.

Poets and Pornstars“Get Your Kicks”

“Eu não me conformo como essa banda é pouco conhecida. Eu sempre acho que na verdade eu que não conheço as coisas, e que todo mundo já tá careca de saber das bandas que pra mim são novidade, mas isso não acontece quando falo de Poets and Pornstars. Porra, NÃO TEM A BANDA NO WIKIPEDIA! Inadmissível. Na real o vocalista da banda, Hal Ozsan, é ator, e a banda acabou entrando no meio de um hiato da carreira dele. O Poets é de Los Angeles, e tem só um álbum, de 2005. Hard rock da melhor qualidade da primeira à última música. Historinha: Na tour do Guns de 2010 eu estava em Brasília fumando um cigarro do lado de fora do hotel e o celular de um cara do meu lado toca. O toque do celular dele era: Poets and Pornstars. Somos amiguinhos de Facebook até hoje, ele é uma das 5 pessoas que eu conheço que também conhecem P&P”.

Liberta“Vivendo no Escuro”

“E aí a gente fala de rock, eu penso no rock nacional, e em como a gente conhece pouca coisa por aqui. Na real se você é de São Paulo e não conhece o Liberta eu preciso ter uma conversa bem séria com você (insira cara de brava aqui). O Liberta é uma banda que infelizmente já encerrou as atividades, mas que eu acho que todo mundo devia ouvir. Os integrantes vieram do também incrível Cyber Jack, banda de São Paulo com letras em inglês. O Liberta veio depois, em português. Músicas e letras de qualidade, bem feitas, bem gravadas, com clipes incríveis e os shows… ah, os shows. Saudades. Escolhi essa música em homenagem ao momento político em que vivemos. “Vai começar a mudar. Por que você não vem libertar alguém?”