5 Pérolas Musicais escolhidas a dedo por Joyce Guillarducci, do Cansei do Mainstream

5 Pérolas Musicais escolhidas a dedo por Joyce Guillarducci, do Cansei do Mainstream

4 de novembro de 2016 2 Por João Pedro Ramos

Todo mundo tem seus gostos, preferências e, é claro, seus garimpos no mundo da música. Com certeza tem alguma banda ou artista que só você conhece e faz de tudo para espalhar o som entre seus amigos e conhecidos. “Todo mundo precisa conhecer isso, é genial!” Se você é aficionado por música, provavelmente tem uma pequena coleção pessoal de singles e discos que não fizeram sucesso e a mídia não descobriu (ou ainda vai descobrir, quem sabe) que gostaria que todo o planeta estivesse cantando.

Pois bem: já que temos tantos amantes da música querendo recomendar, o Crush em Hi-Fi resolveu abrir esse espaço. Na coluna “5 Pérolas Musicais”, artistas, músicos, blogueiros, jornalistas, DJs, VJs e todos que têm um coração batendo no ritmo da música recomendarão 5 músicas que todo o planeta PRECISA conhecer. Hoje, a convidada é Joyce Guillarducci, que faz o blog e programa de rádio na Solid State Radio Cansei do Mainstream!

Strawberry Alarm Clock‘Rainy Day Mushroom Pillow’ (1966)

“A SAC foi uma das precursoras do acid rock da Califórnia, quando esse termo ainda nem existia. O legal é saber que eles ainda estão na ativa, hoje são um grupo de senhorzinhos fazendo música psicodélica e se divertindo muito com isso (depois assistam o vídeo de “Mr Farmer). Também é legal saber que nos 50 anos de estrada dessa banda, a primeira entrevista para uma mídia brasileira foi para o CdM. Fiquei muito honrada e emocionada até, porque realmente curto o som deles a anos. Escolhi aqui um som do álbum de estréia que é muito especial”.

Tamam Shud‘Lady Sunshine’ (1969)

“Quem me apresentou a psicodelia/surf music/rock progressivo dos australianos da Tamam Shud foi o Greg Smee, que é um querido e tem uma banda foda chamada wwoman – que também bebe em fontes sessentistas. Ouvi dizer que depois de idas e vindas, hoje a Tamam Shud também está na ativa, e eu adoraria ver a belíssima ‘Lady Sunshine’ sendo executada ao vivo”

https://www.youtube.com/watch?v=8UJESsN-MHQ

Shocking Blue ‘Send Me a Postcard’ (1968)

“Liderada pela frontwoman diva e mega babe Mariska Veres, a Shocking Blue foi uma das representantes do movimento Nederbeat, uma verdadeira explosão de bandas de rock’n roll da Holanda que aconteceu lá nos sixties. O ótimo single ‘Send Me a Postcard’ nunca entrou para um álbum da banda. Escolhi esse vídeo especificamente por conta do vestido de plaquinhas. Esse vestido de plaquinhas é meu sonho de consumo <3″

https://www.youtube.com/watch?v=Ymr092edNAA

Blossom Toes‘Look at Me I’m You’ (1967)

‘We Are Ever So Clean’, álbum de estréia dos ingleses da Blossom Toes, é para mim uma das coisas mais maravilhosas que aconteceram nos anos 60. O álbum foi lançado pelo selo do empresário Giorgio Gomelsky, e na época fico conhecido como “Giorgio Gomelsky’s Lonely Hearts Club Band”. Uma pena a carreira da banda ter sido curtinha, e o debut álbum permaneceu sua obra-prima. Uma vez Brian Godding, vocalista da banda, falou comigo e eu quase morri do coração”.

O’Seis‘Lindo’ (1966)

“E antes de Os Mutantes existiram O’Seis, e os seis eram os irmãos Arnaldo e Sérgio (Dias) Baptista, Rita Lee, Raphael Villardi, Mogguy (Maria Olga Malheiros) e Luiz Pastura – que não aparece na foto do vídeo. Esse som é, literalmente, LINDO!”