5 Pérolas Musicais escolhidas a dedo por Artie Oliveira, vocalista da banda Don Ramón

5 Pérolas Musicais escolhidas a dedo por Artie Oliveira, vocalista da banda Don Ramón

6 de maio de 2016 0 Por João Pedro Ramos

Todo mundo tem seus gostos, preferências e, é claro, seus garimpos no mundo da música. Com certeza tem alguma banda ou artista que só você conhece e faz de tudo para espalhar o som entre seus amigos e conhecidos. “Todo mundo precisa conhecer isso, é genial!” Se você é aficionado por música, provavelmente tem uma pequena coleção pessoal de singles e discos que não fizeram sucesso e a mídia não descobriu (ou ainda vai descobrir, quem sabe) que gostaria que todo o planeta estivesse cantando.

Pois bem: já que temos tantos amantes da música querendo recomendar, o Crush em Hi-Fi resolveu abrir esse espaço. Na coluna “5 Pérolas Musicais”, artistas, músicos, blogueiros, jornalistas, DJs, VJs e todos que têm um coração batendo no ritmo da música recomendarão 5 músicas que todo o planeta PRECISA conhecer. Hoje, o convidado é Artie Oliveira, vocalista da banda Don Ramón e o ~stage invader~ mais querido de Campinas.

Deftones“Lovers”

“Essa quase ninguém se lembra que existe, eu acho… Ela é um lado B do single da ‘Hexagram’, lá de 2003. Melodia fácil de tocar, por sinal…”

– Fear Factory“Descent”

“O ‘Obsolete’ é a obra-prima da formação clássica do Fear Factory, mas esse som (acho eu que virou single) quase não se acha no youtube. É um dos poucos momentos, se pá o único, em que o Raymond Herrera não tá tocando bumbo duplo na velocidade da luz”.

– Goo Goo Dolls “String of Lies”

“Você acha que o Goo Goo Dolls é uma banda xarope que estourou por causa de ‘Iris’ e só faz som pau mole? Tá enganado, campeão! Até 1995, com o ‘A Boy Named Goo’, eles eram uma banda foda para caralho que tocava punk rock e esse som, do ‘Superstar Car Wash’, de 1993, não me deixa mentir!”

Islander“The Sadness of Graves”

“Banda nova que bebe grandão da fonte do P.O.D. (tem ponta do Sonny Sandoval no primeiro disco deles, ‘Violence & Destruction’). Usa afinação linda de Drop B e tá por aí desde meados de 2011. Recomendadíssimo!”

– Splender“London”

“Pra fechar, a última música do primeiro disco de uma das minhas bandas de cabeceira, que eu conheci lá por 2002 graças a minha irmã mais velha. É um épico da distorção piradona de guitarra e letra triste pra caralho com quase sete minutos de duração. Ela tem um dos solinhos mais lindos do mundo, depois de ‘Wallflower’, lógico”.