Coloque seu blazer com ombreiras e volte aos anos 80 com estes remixes de sucessos atuais

Esses dias, nas minhas andanças pelo Youtube, me deparei com um remix que se dizia “80’s” para “Numb”, do Linkin Park. Ouvi e achei incrível como conseguiram transportar a banda para os anos 80 e encaixaram tudo direitinho. Parecia que o grupo fazia parte da década de 80 e poderia tranquilamente fazer parte da trilha sonora de “Miami Vice”:

Mas, como todo mundo sabe, a internet não me permite não ir atrás de mais. Descobri que quem fez esse remix foi um DJ chamado Jerry Galeries, e é claro que eu fiz questão de entrar no canal dele no Youtube para encontrar mais pérolas do tipo. Lá, apareceram versões neon piscantes de “Bad Liar”, da Selena Gomez, e “Shape Of You”, de Ed Sheeran, que ficou simplesmente sensacional:

Eu deveria ter parado por aí? Talvez. Mas ao assistir à versão 80s do ruivo, apareceram mais vídeos dos chamados “80s remix” nos vídeos relacionados, abrindo pra mim um mundo novo de oitentismo desenfreado. O próximo DJ que me chamou a atenção nesse estilo foi o TRONICBOX, que se especializa principalmente neste tipo de mixagem de hits atuais. Lá deu pra fazer a festa: remixes de “Love Me Harder” do The Weeknd, “Cool For The Summer” da Demi Lovato, “Perfect Illusion” e “Bad Romance” de Lady Gaga, “Somebody That I Used To Know” do Gotye, “Firework” da Katy Perry, “What Do You Mean” do Justin Bieber e muito mais. O melhor são as capas dos vídeos, com montagens oitentistas dos artistas remixados. As roupas de aeróbica, mullets e ombreiras são hilários.

Fuçando, soube que o DJ canadense é um dos precursores dessa moda, que é algo meio brincadeira e meio um descontentamento com os rumos da música pop hoje em dia. Os sites E! Music e SpinOrBinMusic chamaram os remixes de “obras de arte” e o RetroSpin chama as versões de “hinos retrô”.

Outro DJ que aposta na nostalgia dos oitenta é o Dubspillaz, do Reino Unido, que faz remixes inacreditáveis de “Starboy” e “I Feel It Coming” de The Weeknd e mostra que ele pode parecer ainda mais com o ídolo Michael Jackson, além de versões para “Moves Like Jagger” do Maroon 5, “This Is What You Came For” de Calvin Harris e “Lush Life”, da Zara Larsson, além de “Just The Way You Are” de Bruno Mars que parece saída diretamente da trilha de “O Último Americano Virgem”:

Recomendo a todos que curtirem estes remixes continuem procurando, pois tem mais um monte de músicas do tipo no Youtube, com DJs como LovProd, Saint-Laurent e David Lo Pan. Além disso, um apelo aos DJs brasileiros: por favor, façam remixes oitentistas de sucessos do pop atual brasileiro? Quero muito ouvir a versão Xou da Xuxa de “Paradinha” e uma coisa meio Kid Abelha para “Hoje” da Ludmilla. Alguém se habilita?


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *